Skip to content

Artigos temáticos, uma nova perspectiva para leitores de Clareza & Coerência

17.September. 2019
por Claudia Atas

Para quem enfrenta provas de redação ou a necessidade profissional de escrever bem, leitura e prática são fundamentais. Não de vez em quando – regularmente.

Em nove anos de atividades (outubro de 2010 até hoje), Clareza & Coerência publicou muitas análises, testes e exercícios sobre gramática, estilística e ética. Agora, traz um novo tipo de contribuição: artigos sobre questões sociais. A ideia é provocar reflexão para os meus leitores, e, ainda, instrumentalizar o grupo que enfrenta provas de redação.

Expor fatos, debater problemas, assumir um ponto de vista são habilidades  requeridas, tipicamente, por exames como Enem, vestibulares para o ensino superior e, muitas vezes, processos para selecionar candidatos a empregos ou projetos. Portanto, para obter uma boa nota, é preciso conhecer e/ou atualizar opiniões, dados e informações sobre os temas sociais mais discutidos pela sociedade.

As estatísticas mostram que a metade dos candidatos apresenta baixo desempenho nessa prova: segundo o Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, mais de um milhão dos 4 milhões de redações do Enem 2018 chegou a 400 pontos (o máximo são 1000 pontos). A média das notas caiu de 558 pontos (2017) para  523,4  pontos – apenas 55 candidatos alcançaram a nota mil.(*)

Devemos lembrar que esses 4 milhões de provas corrigidas não incluem as redações realizadas no Enem PPL, realizado para pessoas privadas de liberdade (presos encarcerados em sistemas prisionais e menores infratores apreendidos, principalmente, além de candidatos que não puderam realizar as provas).

Essa menção aos encarcerados e a leitura de coluna recente do sociólogo Demétrio Magnoli, na Folha de S.Paulo (A cela de Luiz Inácio —e a dos Silva, 10 de agosto passado) motivaram-me a optar pelo tema Sistema Prisional Brasileiro no primeiro artigo da série. Ele será publicado nos próximos dias.

__________________________________________________________

(*)  Seria injusto não avaliar essa queda em função do tema escolhido pelo Enem em 2018 – Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet. Sabemos que parcela significativa de estudantes brasileiros não tem acesso regular à internet. É provável, portanto, que o desempenho candidatos sem familiaridade com a web apresentado uma dissertação classificada entre regular e ruim, influenciando o crescimento das notas baixas.

 

Deixe uma resposta

Observação: Você pode usar HTML básico nos seus comentários. O seu email não será publicado.

Assine este comentário via RSS