Skip to content

Concisão: ao invés de cortar linhas, mude a estrutura.

25.November. 2011

Concisão é uma qualidade apreciada, desejada, valorizada. Espera-se do funcionário incumbido de escrever uma carta, ou falar a um grupo, que seja breve e objetivo. De fato, entre os sinônimos de concisão, encontram-se brevidade, precisão, exatidão, clareza. Mas, como ser breve e objetivo? Cortando linhas? Cortando informação? É o método usual, mas não o mais eficiente. Parta do seguinte princípio – a concisão não garante a objetividade, assim como o texto longo não significa falta de objetividade.

Quando se associa concisão com poucas linhas, arrisca-se a omitir informações que podem ser essenciais. Por exemplo, ao redigir a reclamação que ouviu de um cliente, seu relato pode ser longo, minucioso e, ao mesmo tempo, conciso: todas as informações pertinentes deverão ser incluídas a fim de permitir à empresa uma análise adequada. Os dados e o contexto da queixa é que devem ser objetivos, sem excessos que nada acrescentam.

O relato minucioso-objetivo evitará o vai-e-volta de perguntas e respostas para complementar o quadro de informação, e, portanto, o desgaste de tempo, de esforço e da perda de informação original (deformação do relato no processo de transmissão cliente-atendente-coordenador-produção e outros setores responsáveis pela solução do caso).

Outro aspecto interessante da concisão (em seu sentido amplo) é a substituição de uma frase por outra, de construção “elegante”. Explico: na língua portuguesa, há uma forma de escrever “alongada”, que pode ser substituída por outra, abreviada, encurtada e “elegante”, sem mudar em nada o seu sentido. Na frase abaixo, temos uma frase “deselegante” perfeitamente substituível por outra, “elegante”. Veja:

Coleta se torna mais uma despesa para prédios

Excesso de resíduos e falta de espaço motivam contratação particular

 Grandes edifícios residenciais da capital paulista começam a ter de lidar com um problema que até então não fazia parte da pauta das assembléias de moradores: contratar empresa particular para a coleta do lixo. (ESP, 25/08/2009, Pg. C3)

 Grandes edifícios residenciais da capital paulista começam a lidar com um problema até então fora da pauta das assembléias de moradores…

Ou, para cortar o excesso de “de” (pauta, assembléias, moradores):

Grandes edifícios residenciais da capital paulista começam a lidar com um problema inédito (ou incomum, ou novo) na pauta das assembléias de moradores…

E, melhor ainda, para reunir concisão no sentido amplo (clareza + precisão):

Condôminos de grandes edifícios residenciais da capital paulista começam a discutir uma nova questão em suas assembléias: …

Deixe uma resposta

Observação: Você pode usar HTML básico nos seus comentários. O seu email não será publicado.

Assine este comentário via RSS